Cana Crocus

CANA CROCUS [3,48m_T3 longo]
73cm altura | 253g/m2
Teia em Algodão e Trama em Seda de Bourette
Handwoven

review: o milagre dos Handwovens
Já que esta semana começámos a falar de panos Handwoven (feitos à mão), aqui vos deixo mais uma pérola: o espetacular Cana Crocus!!!
Espetacular… já estás a exagerar outra vez…” dizem vocês… E eu respondo: quando uma tecelã demora 5 meses para produzir 3 panos gémeos (12 metros de tecido)…. se calhar não estou a exagerar!!
Antes de mais, quem é a “Cana“?! é uma marca gerida pela querida Katya (Kajs), mãe de 4 ou provavelmente, neste momento, já de 5, com mais de 8 anos de experiência em babywearing!! A Kajs criou uma cooperativa feita de designers talentosos, usando fios de luxo e tecidos por artesãos experientes! A qualidade, a beleza e o luxo são os seus valores principais e consideram-se fashionistas naquilo que fazem! Uma salva de palmas para quem fala assim!!
Cada série tecida tem no máximo 12 metros e várias tramas são utilizadas no mesmo rolo. Assim, um rolo de 12 metros produz em média 3 panos gémeos: a Teia (fios ao comprido) é sempre de algodão, e a cada 4 metros entra uma nova trama que neste caso específico foi de seda de bourette, linho lituânio e fio de tabaco italiano (!). CHIQUE PÁ!!!
Pois, é esta a beleza dos panos Handwoven!!! Panos absolutamente únicos e impossíveis de copiar!!
Mas já que falamos de cópias e desafios, foi assim que nasceu a linha Crocus. Quando falámos sobre a Vatanai falei por alto do Pamir (Mr. P) o pano handwoven mais caro que se vende/leiloa no mercado. O debuxo é tão fininho, tão fininho que só são produzidos 5 por ano!! E foi esse o desafio que a Kajs propôs à tecelã: vamos fazer uma imitação de um Pamir… mas com cores!! Como sabemos é impossível reproduzir panos no trabalho manual; seja pelos fios usados, seja pela própria “assinatura” da tecelã… seja pelos sentimentos que se têm ao tecer; é impossível fazer cópias! Mas é possível fazer um pano com fios tão fininhos, tão fininhos que parece que foi tecido por gnomos da floresta!! É um pano com a teia muito, muito, muito, apertada, muito fino (ainda assim, não tão fino como o Pamir que as inspirou), muito resistente, muito fresco, muito leve e muito fácil de usar! Não é fofo, nem uma nuvem, mas é resistente e confortável nos ombros. Boa diagonal e bom balanço. Se lhe tocarmos, se olharmos bem para ela… epá! É um milagre que alguém consiga fazer uam coisa tão perfeita, ainda por cima com debuxo de tafetá que é só o debuxo que menos se consegue aldrabar e qualquer erro, por mínimo que seja é claramente notório!
Provavelmente, com este Crocus vai ser o mais próximo que alguma vez vou estar do comportamento de um Pamir… até no preço… e olhem que eu nunca falo de preços… mas este borrachinho custava 760 dólares novo!!! Então, quem quer um Cana Crocus!?

CANA CROCUS [3,48m_T3 long]
73cm height | 253g / m2
Bourette Silk in weft and Cotton in Warp
Handwoven

Review: The miracle of Handwovens
Since this week we started talking about handwoven wraps (made by hand), I’ll leave you today with another pearl: the spectacular Cana Crocus !!!
Spectacular … you’re exaggerating again …” you say … And I reply: when a weaver takes 5 months to produce 3 twin cloths (12 meters of fabric) …. maybe I’m not exaggerating !!
First of all, who is “Cana” ?! Is a brand managed by dear Katya (Kajs), mother of 4 or probably, at this moment, already 5, with more than 8 years of experience in babywearing !! Kajs has created a cooperative made up of talented designers, using luxury yarns and experienced weavers! Quality, beauty and luxury are their main values ​​and they consider themselves fashion seakers in what they do! An applause for those who talk like that !!
Each woven series has a maximum of 12 meters and several wefts are used in the same roll. Thus, a roll of 12 meters produces on average 3 twin cloths: the warp (long yarn) is always cotton, and every 4 meters a new weft comes in that in this specific case was bourette silk, lithuanian linen and Italian tobacco linen (!). SO CHIC !!!
Well, this is the beauty of handwoven wraps !!! Absolutely unique cloths and impossible to copy !!
But since we talk about copies and challenges, that’s how the Crocus line was born. When we talked about Vatanai I spoke out of Pamir (Mr. P) the most expensive handwoven cloth that is sold / auctioned on the market. The web is so thin, so thin that only 5 are produced per year !! And that was the challenge that Kajs proposed to the weaver: let’s do an imitation of a Pamir … but with colours !! As we know it is impossible to reproduce wovens in manual labour; either by the threads used, or by the “signature” of the weaver … or by the feelings had when weaving; it’s impossible to make copies! But it is possible to make a woven with threads so thin, so thin, so thin that it seems  woven by gnomes of the forest !! It is a cloth with a very very very tight web, very thin (yet not as thin as the Pamir that inspired them), very sturdy, very cool, very light and very easy to use! It is not fluffy, not a cloud, but it is sturdy and comfortable on the shoulders. Good diagonal and good balance. If we touch it, if we look at it in detail, well  it’s a miracle that someone can do such a perfect plain weave that is (for me) the one that has to be flawless without any mistake, no matter how small, because it will be clearly notorious!
Probably this Crocus is going to be the closest I’ll ever be to the behaviour of a Pamir … even in the price … and I never speak of prices … but this rag cost $760 new !!! So who wants a Cana Crocus !?

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s