Babywearing para principiantes!

Um texto simples, básico e direto para quem se inicia nestas lides!

Babywearing: o que é?
É carregar os miúdos de forma ergonómica com recurso a um porta-bebés que pode ser #panotecido (woven), #panodemalha (elástico,) #slingdeargolas (Ring Sling – RS), #mei-tai, #mochila (Soft Structure Carrier SSC) etc.
E não, os #marsúpios (cangurus) não são ergonómicos. Tudo o que não acompanhe as pernas dos bebés de joelho a joelho (basicamente bebés pendurados pelos genitais) e que tenha espuma nas costas #nãoéergonómico.

Mas ele parece tão confortável neste #marsupiopenduradopelosgenitais. Até adormece!
Pois, eu quando tenho sono até em pé durmo… isso não significa que seja bom para mim, certo!? #ninguemficapendurado

Como posso saber qual o indicado para mim?
Marcas uma consulta com uma consultora da tua zona e juntas percebem qual será o mais indicado para a dinâmica da vossa família.

Mas eu não quero “gastar” dinheiro com uma consultora.
Fazes mal! É um investimento, acima de tudo!! Mas tranquilo! Ser-se autodidata também é válido, mas vais demorar mais tempo e podes não te adaptar! Por isso depois não culpes o carregador que comprares!

Ok, mas eu tenho a certeza que vou aprender a fazer isto sozinha!
Ainda bem! Bem-vinda sejas a este mundo! Tens vários canais no you-tube com vídeos que te ajudam a aprender. A #divainternacional é a @wrapyouinlove a #divanacional é a @maeaocubo.

Ok, já percebi que posso aprender sozinha, então mas e onde posso comprar?!
Existem muito poucas lojas físicas em PT, provavelmente 2 ou 3. Mas temos várias on-line com revendedoras nacionais que te podem ajudar e que são de absoluta confiança.

Quem!?!? Onde?!?!
Bô! Slings, Organii, Leva-me Contigo, O.V.O, Carregados de Amor, Sling em Viana é Amor, Slingocoisas, Mamã Natureza, 1Bigo, Aconchegados etc!

Porreiro, agora que já sei como aprender e onde comprar……. o que é que vou comprar?!
Já te falei da consultora não foi!? Pronto, pronto… és a tal autodidata!
Então por pontos:
– Acabaste de ter um bebe? Queres usar o pano pré-amarrado para poder por e tirar para dar mama? #panodemalha ou #ringsling
– Vais andar sempre com o miúdo agarrado a ti? #panotecido, cresce com eles e se for um bom pano dura-te muito tempo. Mas vais ter que ajustar de cada vez que pões e tiras.
– Achas que não te vais orientar com um pano? E o teu companheiro acha que panos são coisas de meninas? Isso é mito! É mesmo uma questão de pratica. O #slingdeargolas é super fácil de ajustar. E há panos mega macho #opaitambemcarrega! Além de que eles ficam sexy que dói!!
– Mesmo assim achas que não consegues? Então espera que a cria já se consiga sentar e investe numa mochila evolutiva ou num mei-tai.
– Já tens um miúdo crescidote que quer andar sempre a subir e a descer? #onbuhimo

Pronto, eu quero mesmo um #panotecido!!
Espetacular! São os meus carregadores favoritos! O que não invalida que tenhas também #slingdeargolas ou #mochila para outras alturas!! De qualquer forma vais precisar de saber o teu #tamanhobase – aqueles metros de tecido que te permitem fazer um FWCC (Front Wrap Cross Carry) que é o porte base à frente e que consegues apertar com dois nós facilmente nas costas. De uma forma muito, muito, muito geral (e depois não venhas dizer que a culpa é minha!) mas base 4 se fores tamanho XS, base 5 se fores tamanho S/M, base 6 se fores tamanho M/L, base 7 se fores tamanho XL/XXL. Depois tem a ver com a tua altura, a tua anca, as tuas mamocas… o teu bebé! Eu tenho 1,70m visto XL/XXL de T-shirt e a minha base é um 7 (5,2m). Se for um 6 longo (5m) também consigo, mas não me sinto tão confortável. Isto é muito geral. Com a pratica os panos parece que crescem… ou nós é que aprendemos a ajustar melhor!!!

Boa! Boa! Mas isto é só para #panotecido? E #panodemalha?
O #panodemalha costuma ter um só tamanho (5m). Por isso é fácil!

Então e os materiais?!
Pessoalmente sou #teamalgodão (panos 100%algodão). Agora no verão os mais amados são os de #linho #bambu ou #cânhamo. Para o inverno #lã, claro e #seda! Cada material confere aos panos comportamentos diferentes. A #lã é mais fofa, origina diagonais maiores e é muito confortável em uso. O #cânhamo é forte e resistente, demora a quebrar, mas dá um ótimo suporte, assim como a #seda que é muito resistente e não é nada frágil como se pensa. O #bambu é fresco e fácil de quebrar, muito macio ao toque. Convém que seja um pano com mais desenho para ter mais textura e não escorregar. Já os panos de #linho são mais frescos e alguns demoram a quebrar, mas depois são uma manteiga, apesar de nunca serem “fofos”! Depois há as multi-blends! Algodão com lã e seda para mim são o top+ ou simplesmente algodão!

E a gramagem?!
Depende do que procuras… e da marca! Mas para começar 200-220g/m2; depois vai crescendo! 250-280g/m2, 300-320g/m2. Eu gosto de alguma gramagem, para ter algum suporte extra e suavidade nos ombros. Por isso 280-300 para mim é o ideal. Se comprares um pano de 250-280 vai acompanhar-te mais tempo. De qualquer forma, e apesar de eu ser fã de PPTOs (Pau Para Toda a Obra) não há um pano mágico que te acompanhe desde recém-nascido a #toddler. Mas estas evoluções são positivas! Significa que carregas bastante, que começas a perceber do que gostas e que procuras adaptar-te a novas realidades (tuas e da cria). Se alguém tiver um desses #unicórnios avise!

Mas também posso fazer um, não posso?! Sou tão jeitosinha com a máquina da costura!!
Podes, mas depois não te queixes! #lençoisnãosãopanosdebabywearing além disso o tecido deve ter certificação OEKO TEX classe I. Assim como também não deves comprar as bagatelas e falsificações que vêm da china e das Amazons da vida… não queremos criancinhas a chuchar tecidos tóxicos, certo!? Por experiência, e fi-lo de propósito antes de escrever esta parte, depois de ir às 3 lojas principais de tecidos de Liboa, não encontrei em NENHUMA pano que desse para fazer carregadores (bom… havia lá panamá, mas não sei se queres um pano de babywearing ou um tapa-sol de verão!).

OK! OK!!! E como é que eu faço depois de escolher?!
Compras e recebes um #fluffymail!!! Sim, aquela parte em que finalmente tens o teu carregador e só apetece fazer festinhas e mostra-lo ao mundo!

Boa!! Já posso usar!??!
NÃO!!!!!! Nunca!!! Primeiro lavas exatamente como diz na etiqueta!! Diz 40graus? Lavas a 40. Diz 30graus, lavas a 30. A etiqueta reflete os testes de lavagem que foram feitos ao mesmo. É alias uma boa forma de o fio atingir o seu auge. Depois podes lavar com a roupa dos miúdos normalmente. Mas é raro lavar-se um pano… exceto quando ele fica literalmente todo vomitado… aí convém… e convém teres mais um… não vá o primeiro sujar-se!! E NÃO SE USA AMACIADOR!!!! Para além, das razões básicas que são diminuir a longevidade dos tecidos e poder fazer alergia aos mais novos. Há outra razão: é que perdes toda a textura da fibra!!! O amaciador suaviza as fibras, certo? Pronto… nós não queremos isso!!! Queremos textura para não ficarmos com os miúdos nos joelhos! Ah!! E passar! Passar a ferro como diz lá na etiqueta… é até algo terapêutico e ajuda a amaciar o dito!

E #quebrar!? Porque é que vocês estão sempre a falar de #quebrar o pano?!
Quebrar um pano significa uma só coisa: que as fibras do pano estabilizaram e que já o consegues ajustar faixa a faixa sem que ele descaia de 5 em 5 minutos. Não tem a ver com a suavidade ou “fofinhice” do pano! Isso vem da forma de tecer e do material (linho nunca será fofo ou cânhamo!) Tem a ver única e exclusivamente com a estabilidade. Por isso fazer camas de rede na mesa, entrançar, usar com os miúdos mais pesados. Aparentemente estão a amaciar o pano, é verdade, mas quebrar é quase um “click” que se sente e de repente já não estás sempre a ajustar o pano e não sentes que o miúdo começou cá em cima ao pé do teu ombro e agora já vai no meio das tuas costas. É um sentir. Um pano grosso será sempre grosso assim como um pano fino será sempre fino, não fica nem mais grosso nem mais fino depois de quebrar; simplesmente fica estável quando usas, e para isso… o melhor mesmo é usar muito!

Boa!!! Estou tão contente!!! E agora?
Ahahahah!!! Agora aproveita, enche o miúdo de beijos e bem-vinda a este mundo!!!
.

.

.

.

.
… sabes, acho que não me estou a adaptar… e agora?
Metes à venda no grupo das vendas, temos um específico nacional. E se foste muito maluca e compraste um pano fantástico, mas que não estás a conseguir vender mete-o a DIPs – espécie de rifa – também temos por cá um grupo específico e que bom que ele é! Em Babywearing nada se perde, tudo se reutiliza!
.

.

.

.

.

… vendi, comprei, vendi, comprei… e agora tenho mais de 3 panos… achas que tenho um problema?!
Ahahahahah!! Menos de 3 é que é problemático!! Imagina que a criança está doente e vomita um… só ficas com 2… e se te caírem as pontas na lama… só ficas com 1… e se te esqueceres desse no carro? FICAS SEM NENHUM!!!! MEDO!!! Vai já comprar um #slingdeargolas que assim uma gaja não consegue sobreviver à maternidade!

 

Espero que ajude! Se tiverem mais questões fiquem à vontade!

 

DSC_0059

 

 

2 thoughts on “Babywearing para principiantes!

  1. Já chorei a rir 😉
    Obrigado pela partilha e especialmente pela sinceridade!
    Já encontrei um local perto de mim para pedir aconselhamento….pois sozinha já estava a ficar de cabelos em pé e prestes a desistir :D:D:D

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s