MONAMI SLINGS CARIAD EMERALD

MONAMI SLINGS CARIAD EMERALD [5.50m _ T7]
74cm altura | 280 g/m2
100% algodão penteado

Dia de jogo da Seleção Nacional! Vamos todos sair de casa vestidos a rigor! Força Portugal!… Mas e que pano vou eu usar para combinar com a ocasião? Algo verde… ou vermelho… isto porque não tenho nada verde, vermelho e amarelo, claro! Felizmente o belo pano da Ana Rita, um lindo Monami Slings, ainda cá está, é verde e tem um padrão que apela ao amor à camisola, eh eh eh!

Mas eu não estou com folga do trabalho, a minha pequenina não anda muito bem… tirar fotografias teria de ser algo rápido à hora de almoço novamente… que desta vez é à hora do jogo também! A somar a tudo isto, chove!!! E eu gosto é de sessões de fotografias ao ar livre!… Isto promete! Mas vou avançar na mesma com a ideia de fazer a foto reportagem neste dia de jogo!
À hora do jogo estamos a almoçar junto ao Jardim da Alameda em Faro e… GOOOOOOOOOLOOOOOOOOO!!! Portugal marca logo nos primeiros minutos! A pequenina parece bem-disposta, mas não tardou a vir o sono. Ao intervalo do jogo, tive mesmo que a colocar no pano e nem 1 minuto foi preciso para que adormecesse…

Monami_0 (7)
Devido aos chuviscos que se sentiam, ficámos pelo Jardim… Ora, se o local a fotografar não é novo, terei de inovar em alguma outra coisa… Para quem não viu as minhas foto-reportagens anteriores, saibam que, apesar da variedade de poses para a fotografia, a amarração do pano foi sempre a mesma: FWCC (Front Wrap Cross Carry, em português designada por Cruz Envolvente), por ser aquela com a qual eu já estou à vontade! Bom, na realidade por várias vezes aparece uma pequena variação, eh eh eh, que é FWCC TUB (Front Wrap Cross Carry Tied Under Bum, isto é, atada debaixo do rabo) ou então, como no caso deste pano que é grande, levo as pontas às costas e ainda as trago novamente à frente para atar.
Quis colocar a bebé às costas, que tem sido o meu desafio em casa! Mas… nunca o fiz fora de casa, sem um espelho e, definitivamente, nunca a coloquei às costas partindo de uma amarração frontal e com ela a dormir! Uff, já estou cansada e ainda nem comecei! Mas vamos lá, isto só é preciso concentração, eu já vi isto N vezes em vídeos, e já fiz esta amarração em casa (rucksack, isto é, tipo mochila às costas)… Ora bem, para registar este momento para mim mesma (bom, de certa forma não é só para mim, já que o publico aqui, eh eh eh)… vamos fotografar o processo de passar a bebé da frente para as costas…
E vamos terminar como a Ana me ensinou, para ver se a deixo orgulhosa e… e… CONSEGUI!!! Estou tão contente! Até parece que já ganhámos o campeonato!!! Esta finalização chama-se Goddess Finish ou Date Night Finish (#datenightfinish), e corresponde a esta forma de vestido feito com o pano.

A bebé esteve a dormir durante todo o processo, pelo que não lhe quis mexer muito e acabou por ficar um pouco baixa, as pernas não estavam exactamente como eu queria, mas foi uma vitória, fiquei tão contente com esta conquista pessoal! A assistir estava apenas o meu padrasto (a quem agradeço por ter sido o fotógrafo) e a senhora do quiosque do jardim (já vos contei que estava a chover e que por isso eu fiz isto tudo debaixo de uma árvore? Ahahahah! Pois foi mesmo isso que aconteceu!) estava encantada com o processo! Uau! Que bom! Ao menos não tive quaisquer energias negativas neste momento de pura alegria!!! Entretanto no meio das minhas voltas com o pano à chuva, acabou o jogo e fico a saber que ganhámos! Yeahhhh! #forçaportugal

review: Vestir as cores de Portugal

Mas isto é suposto ser sobre o pano e não sobre o campeonato de futebol e as minhas conquistas pessoais. Passando então ao belo pano, este vinha ainda por quebrar, mas de qualquer das formas, foi confortável de usar! Não fiz portes de várias camadas, mas com as voltas que dei ao pano, senti que tem uma diagonal razoável, o que se traduz num bom suporte, embora tenha sentido alguma dificuldade em ajustar. Tem um bom grip, não escorrega e não tive de reajustar ao longo das caminhadas. Pelo que pude entender ao perguntar aos mais entendidos na matéria, a dificuldade no ajuste, além de azelhice minha, deve-se ao facto do pano estar também por quebrar.
Adorei o facto deste pano ser #easycare, isto é, não tem uma trama ou uma composição que precise de cuidados especiais, posso nomeadamente sentar-me com ele na relva, e é facilmente lavado na máquina da roupa! Eu gosto de panos assim, simples, bonitos e passíveis de ser usados no dia-a-dia! Já o tamanho enorme do pano, tive uma relação de amor-ódio com esse pormenor, pois acho que tem um enorme potencial para fazer acabamentos lindos, e o meu filho mais velho adorou fazer do pano uma cama de rede, mas as enormes pontas tornam-se um empecilho na rua enquanto faço a amarração!
Termino a reportagem feliz com o facto de ter experimentado este belo e confortável pano, esperançosa que Portugal continue a ganhar e me dê mais motivos para reportagens diferentes, mas triste por saber que a Ana não o vai manter no seu stash (stash é a “colecção pessoal” de panos), e que por isso possivelmente não o volto a usar (e queria tanto vê-lo mais quebradinho!). Mas agradeço muito pela oportunidade e espero que com esta reportagem eu tenha inspirado mais pais a se aventurarem em novos portes e novas conquistas neste mundo do babywearing!

Diana Saraiva

MONAMI SLINGS CARIAD EMERALD [5.50m _ size 7]
74cm height | 280 GSM
100% combed cotton

Game day for the National Team in the World Cup! Let’s get out of the house all dressed up! Go Portugal! … But which woven wrap will I wear to match the occasion? Something green… or red. .. and just because I have nothing green, red and yellow, of course! Luckily Ana Rita’s beautiful Monami Slings wrap is still here, it’s green and it has a pattern that appeals to the love for the National Team, lol!

But I’m not in a day off work, my baby is not doing very well… so taking pictures would have to be something fast at lunch time again… and at the same time of the football match too! To add to all this, it’s raining!!! And I would like an outdoor photo shoot!… It will be a challenge! But I will go ahead with this idea of ​​making the photo shoot on this match day!
At the time of the match we are having lunch next to the garden Jardim da Alameda and… GOOOOOOOOOAAAL !!! Portugal scores in the first few minutes of the match! My baby girl seems well, but soon she gets too sleepy. At half-time, I had to wrap my baby and in a minute she was sleeping…
Because of the rain, we didn’t go far and stayed in the garden… Well, if the place to do the photoshoot is not new, I will have to innovate with something else… For those who haven’t seen my previous photo reviews, let me tell you that despite the variety of poses for the photo shots, the carry was always the same: FWCC (Front Wrap Cross Carry), because it is the one I’m used to! Well, sometimes I do a little variation, lol, which is FWCC TUB (Front Wrap Cross Carry Tied Under Bum) or, as in the case of this wrap that is so large, I take the tips to the back and still bring them again to the front to tie.
I wanted to do a back carry, which has been my challenge at home! But … I never did it outside the house, without a mirror and, definitely, I never did a back carry starting with a front carry and with baby sleeping! Ugh, I’m already tired and I have not even started! But come on, this only needs concentration, I’ve seen it several times in videos, and I’ve done this carry at home already (rucksack) … Well, to record this moment for myself (well, it’s not just for me, since I’m sharing it here, lol) … let’s photograph the process of moving the baby from the front to the back … And let’s finish as Ana taught me, to see if I leave her proud and … and … I GOT IT!!! I’m so happy! It looks like we already won the World Cup!!! This wrap finish is called Goddess Finish or Date Night Finish (#datenightfinish), named like that because the form of dress made with the wrap.

The baby was sleeping during the whole process, and since I didn’t want to mess her around, she ended a little low, her legs were not exactly as I wanted, but it was a victory anyway, I was so happy with this personal achievement! My stepfather (whom I thank for being the photographer) and the lady of the garden kiosk were the only ones watching the show, but she (have I told you already that it was raining and so I did it all under a tree?) LOL! Yes, that was what happened!) was delighted with the process! Wow!! How nice! At least I did not have any negative energies at this moment of pure joy!!! Meanwhile during this rainy photoshoot, the match was over and I found out that we have won! Yeahhhh! #goportugal!

review: Dress the colours of Portugal

But this is supposed to be about the wrap and not about the World Cup and my personal achievements. Moving on to the beautiful wrap, it was still not fully broken in, but it was still comfortable to wear! I didn’t do carries with more than a layer, but I wore it a lot. I felt that it has a good diagonal, which translates into a good support, although I struggled a bit with the adjustments. It has a good grip, it doesn’t slip off and I did not have to readjust along the walks. From what I could understand by asking more experienced babywear moms, the difficulty in adjusting, in addition to my lack of knowledge, is due to the fact that the wrap is also to be broken in.
I loved the fact that this woven wrap is easy care, which means that it doesn’t have a weft or a composition that needs special care, I can even sit with it on the grass, and it is easily washed in the machine! I like wraps like that, simple, beautiful and suitable for day-to-day use! About the enormous size of the wrap, I had a love-hate relationship with it, because I think it has a huge potential to make beautiful finishes, and my eldest son loved to make a hammock from the wrap, but the huge tips make it a little harder to do carries outside!
I end this report happy with the fact that I have tried this beautiful and comfortable wrap, hopeful that Portugal will continue to win and give me more reasons for different photo shoots, but also sad to know that Ana will not keep this wrap in her stash, and that is why I probably will not use it again (and I wanted so much to see it fully broken in!). But I thank her very much for the opportunity and hope that with this review I have inspired more parents to venture into new carries and new achievements in this babywearing world!

Diana Saraiva

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s